RAPID: tecnologia e inovação no tratamento de AVC - REDE MATER DEI DE SAÚDE
Sobre o Mater Dei » Fique por dentro » Notícias Institucionais » RAPID: tecnologia e inovação no tratamento de AVC

RAPID: tecnologia e inovação no tratamento de AVC

Quando o assunto é Acidente Vascular Cerebral (AVC), cada hora é valiosa e pode ser essencial para salvar a vida de uma pessoa. O avanço da tecnologia tem facilitado o atendimento e tratamento de pacientes que estejam tendo um AVC, o que viabiliza a recuperação de áreas do cérebro. 

Essas mesmas tecnologias também têm possibilitado o tratamento de casos que já tenham iniciado os sintomas do AVC há um tempo maior do que a janela convencional de seis horas para tratamento, como é o caso de José Bacharel Filho, de 62 anos, que deu entrada na Rede Mater Dei com quadro já evoluído da doença, após quase 24h do início dos sintomas. 

José conta que procurou atendimento na Rede Mater Dei devido aos sintomas que apresentava há algumas horas e que quando chegou ao local foi imediatamente avaliado e diagnosticado. “Quando eu dei entrada no hospital eu sentia uma dormência muito grande do lado esquerdo do corpo, eu já não conseguia nem levantar o meu braço da cama”, relata.

O paciente estava com AVC isquêmico, com uma possível oclusão de uma artéria de grande calibre do cérebro. A médica Júlia Kallás, coordenadora da equipe de Neurologia do Mater Dei Contorno, explica que foi feito um exame das artérias cerebrais do paciente através do RAPID, um software acoplado aos tomógrafos que permite uma avaliação rápida, segura e precisa da área do cérebro que tem possibilidade de ser recuperada após uma desobstrução do fluxo. “Foi feito um estudo com o RAPID para ver se o paciente, mesmo com um tempo avançado de AVC isquêmico, ainda teria condições de ser tratado e foi detectada uma possibilidade de tratamento para o senhor José, que já tinha quase 24 horas de sintomas. Ele foi levado para a hemodinâmica, foi feita uma trombectomia mecânica e o paciente teve uma evolução excelente, ficando praticamente sem sequelas”, conta a médica. 

A Rede Mater Dei de Saúde foi pioneira na aquisição e implantação do RAPID em Minas Gerais, visando integrar e ampliar a janela terapêutica do protocolo de AVC (Acidente Vascular Cerebral) em toda a Rede. “É importante destacar que o uso do RAPID proporcionou uma opção de tratamento para o paciente grave, mas com tecido ainda viável, possibilitando tratá-lo com um tempo maior e isso foi de extrema importância, o que deixou a equipe muito feliz”, ressalta a médica. 

Após alguns dias internados e prestes a ir para casa, José comemora sua rápida recuperação, com poucas sequelas, e se diz grato pelo atendimento recebido. “O meu tratamento aqui foi excelente e eu só tenho a agradecer porque tudo deu certo e eu estou muito bem”, relata o paciente.

O AVC é uma emergência médica e quanto mais rápido for tratado, maior a chance de recuperação. Portanto, em caso de qualquer sintoma neurológico súbito, é imprescindível procurar o pronto-socorro com urgência. A maioria dos casos de AVC poderão ser tratados apenas nas primeiras 4,5h do início dos sintomas e apenas alguns terão a possibilidade de serem tratados nessa janela estendida de 24h. 

Responsável:

Júlia Araújo Kallás

Coordenadora da equipe de Neurologia do Mater Dei Contorno

CRM: 48426




 

Publicado em: 10/03/2020

Este conteúdo foi útil pra você? Sim Não
Obrigado pelo feedback. Sua opinião nos ajuda a criar um site melhor a cada dia.

Este post é sobre Notícias institucionais

Posts Relacionados

13 Dezembro 2021

Rede Mater Dei de Saúde é premiada...

Na última terça-feira (06), a Rede Mater Dei de Saúde foi premiada na categoria Hospital Privado Destaque pelas ações de combate à Covid-19, do Prêmio Benchmarking Saúde 2021 em Salvador, promovido pela Criarmed. Luciana Silva, diretora clínica do Mater Dei...
22 Novembro 2021

Hospital Mater Dei anuncia a...

Mater Dei anuncia mais um importante passo em direção à sua estratégia de consolidação de ativos de referência em suas localidades de atuação, por meio da aquisição de 99,6% do Hospital Santa Genoveva. Por meio de mais essa operação – que é a terceira...
13 Dezembro 2021

Cardiologistas da Rede Mater Dei de...

No último sábado, 04/12, os médicos do serviço de cardiologia da Rede Mater Dei de Saúde, Henrique Patrus, coordenador do serviço de Cardiologia da Rede Mater Dei de Saúde e presidente da Sociedade Mineira de Cardiologia e Letícia Braga, cardiologista membro...