O cuidado com a saúde ocular da pessoa com diabetes previne complicações na visão - REDE MATER DEI DE SAÚDE
Cuidados com a Saúde » Prevenção e Cuidados » O cuidado com a saúde ocular da pessoa com diabetes previne complicações na visão

O cuidado com a saúde ocular da pessoa com diabetes previne complicações na visão

O melhor caminho para a saúde ocular é o cuidado constante, principalmente para quem tem diabetes, já que está mais sujeito a complicações e perda da visão. É preciso gerenciar bem a taxa de glicemia, fazer exames regularmente para evitar as complicações relacionadas à visão.

De acordo com a Sociedade Brasileira de Diabetes, as pessoas com diabetes têm 40% mais chance de desenvolver glaucoma; têm 60% mais chance de desenvolver a catarata, além do principal problema oftalmológico relacionado ao diabetes que está relacionado à retina. Sendo assim chamada de, retinopatia diabética que pode afetar todas as pessoas que têm diabetes, tanto o diabetes tipo 1 quanto o diabetes tipo 2. Cerca de uma em cada quatro pessoas com diabetes tem o problema em algum momento da vida.

“A retinopatia diabética é a principal forma de acometimento do diabetes no olho e a evolução e agravamento da retinopatia diabética são a principal causa de perda de visão nas pessoas com diabetes. De maneira geral, a retinopatia diabética ocorre em cerca de 20 a 25 % das pessoas que tem diabetes, chegando a acometer a maioria dos pacientes com mais de 15 anos de diagnóstico de diabetes. Trata-se da principal causa de cegueira induzida pela doença”, informa o médico do Serviço de Endocrinologia e Metabologia da Rede Mater Dei de Saúde, Rodrigo Lamounier.

O médico explica que catarata, glaucoma e retinopatia são coisas distintas. “Não tem relação uma com a outra e podem todas elas acontecer com mais frequência nas pessoas que têm diabetes. A catarata é a opacificação da lente que temos no olho e o tratamento consiste exatamente na substituição da lente natural por uma lente intraocular artificial. Um procedimento seguro e que tem ótimos resultados. O glaucoma é a elevação da pressão nos olhos, enquanto os problemas de retina configuram a retinopatia”, esclarece o endocrinologista.

A retinopatia é reconhecida como uma doença ‘silenciosa’. “O problema da retinopatia diabética é exatamente o fato de que é muito prevalente, sua incidência aumenta à medida que o controle da glicemia é ruim e ela não dá sintomas ou sinais precocemente. Quando há prejuízo na visão por causa da retinopatia, o caso já é muito grave”, explica Rodrigo.

Prevenção
O mais importante é controlar bem a glicose, mantendo o diabetes bem controlado, assim como a pressão arterial. Além disso, todas as pessoas com diabetes devem ir ao oftalmologista anualmente.

Sintomas

  1. Visão embaçada
  2. Flashes de luz no campo de visão
  3. Perda repentina de visão
  4. Manchas na visão

Nem sempre a doença apresenta sintomas. A retina pode estar seriamente danificada antes que se tenha qualquer alteração de visão e esteja se sentindo bem. O médico do Mater Dei, Rodrigo Lamounier, explica que os sintomas são tardios e, sendo assim, o diagnóstico implica de maneira importante no resultado do tratamento. O trato precoce da retinopatia diabética é muito impactante na preservação da função ocular.


RESPONSÁVEL:
Rodrigo Lamounier
Endocrinologista e Metabologista
CRM-MG: 31293


Publicado em: 12/09/2016

Este conteúdo foi útil pra você? Sim Não
Obrigado pelo feedback. Sua opinião nos ajuda a criar um site melhor a cada dia.

Este post é sobre Saúde e Bem estar

Termos relacionados visão saúde ocular diabetes

Posts Relacionados

31 Julho 2017

Tratamento adequado de lesões pode...

Sabe-se que as feridas, de um modo geral, são porta de entrada para bactérias, que podem causar infecções graves nos pacientes. Muitos, que estão em tratamento de doenças como diabetes e câncer, por exemplo, podem desenvolver feridas de difícil cicatrização e...
20 Junho 2017

Mais Saúde Mater Dei oferece...

A educação para o paciente diabético é fator relevante para o controle ideal da doença, sendo o trabalho multidisciplinar de grande valor no que tange aos aspectos biopsicossociais da doença.
19 Janeiro 2018

Acompanhamento nutricional integrado...

O Mais Saúde Mater Dei dispõe da facilidade, agilidade e tecnologia necessária para orientar os pacientes diabéticos. Trata-se do Programa Nutricional no Diabetes, Pré-diabetes e nas Doenças Crônicas Não-transmissíveis (DCNT).