Centro de Reprodução Humana Mater Dei - REDE MATER DEI DE SAÚDE

Centro de Reprodução Humana Mater Dei

O Centro de Reprodução Humana da Rede Mater Dei de Saúde é constituído com o que há de mais avançado em tecnologia de reprodução assistida. Com corpo clínico especializado, um importante diferencial do Centro é estar instalado dentro de uma unidade hospitalar. “Ter uma sala de procedimentos exclusiva, dentro do ambiente cirúrgico, com acesso direto ao laboratório, permite a execução de todo tipo de técnica necessária para o sucesso no tratamento. Além de obedecer às normas de segurança recomendadas para o atendimento e oferecer mais atenção aos pacientes”, explica a coordenadora do Centro, a médica Rívia Lamaita.

Especialista em reprodução humana, Rívia esclarece que a tratamento é indicado para pessoas que não conseguiram engravidar após um ano de vida sexual ativa, sem utilizar métodos contraceptivos, para os casais de relação homoafetiva e em casos de postergação de fertilidade por motivos sociais, ou nos casos oncológicos, quando o tratamento poderá afetar a fertilidade do paciente.
 
Os tratamentos de fertilização dividem-se em casos de baixa e alta complexidade e dependem de diversos fatores. A indicação da melhor técnica considera o motivo da infertilidade, por isso a necessidade da avaliação de um especialista na área. A médica afirma que "a modernização dos centros e equipamentos em reprodução assistida tem permitido melhora progressiva nos resultados gestacionais, minimizando os riscos".
 
A reprodução assistida está em constante evolução e o Mater Dei investe em estrutura, atualização e capacitação da equipe. Assim, os pacientes têm acesso a técnicas como congelamento de embriões, congelamento de sêmen, óvulo ou tecido ovariano e proteção medicamentosa do ovário, dentre outros. “Com o Centro, resgatamos uma parte importante da história do Hospital”, ressalta o presidente da Rede Mater Dei de Saúde, Henrique Salvador. Em 1989, em procedimento realizado pela equipe do Hospital Mater Dei, nasceu o primeiro bebê concebido pela técnica de Fertilização in vitro, em Minas Gerais.


RESPONSÁVEL:
Rívia Lamaita
Coordenadora do Centro de Reprodução Humana da Rede Mater Dei de Saúde
CRM-MG: 2885
 


Publicado em: 24/07/2016

Este conteúdo foi útil pra você? Sim Não
Obrigado pelo feedback. Sua opinião nos ajuda a criar um site melhor a cada dia.

Este post é sobre Cuidados com o bebê

Termos relacionados Reprodução Humana FIV Maternidade

Posts Relacionados

23 Janeiro 2017

Tratamentos para fertilidade

O Centro de Reprodução Humana da Rede Mater Dei de Saúde é constituído com o que há de mais avançado em tecnologia de reprodução assistida.
05 Agosto 2016

Amamentação: futuro sustentável

Dados da Maternidade da Rede Mater Dei de Saúde apontam quase 70% dos bebês sendo amamentados (AME) aos 30 dias de vida em 2016, de acordo com a análise do Serviço de Neonatologia da Rede.
01 Agosto 2019

Cinco anos de atuação

​Centro de Reprodução Humana Mater Dei resgata história da instituição e mantém tradição e referência na área