​Estudo científico é apresentado em congresso da American Heart Association - REDE MATER DEI DE SAÚDE
Sobre o Mater Dei » Fique por dentro » Notícias Institucionais » ​Estudo científico é apresentado em congresso da American Heart Association

​Estudo científico é apresentado em congresso da American Heart Association

A equipe de Cardiologia da Rede Mater Dei de Saúde apresentou, no Congresso Americano de Cardiologia (AHA Scientific Sessions), um estudo científico que estabelece a correlação entre acometimento cardíaco e maior gravidade da doença por dengue. O congresso aconteceu na cidade da Califórnia, Estados Unidos, no dia 12 de novembro de 2017.

Os médicos Ariane Macedo, Carlos Eduardo Ornelas e Henrique Patrus foram os responsáveis pelo o estudo que analisou a possibilidade da elevação do exame laboratorial de Troponina, marcador muito acurado que demonstra um dano à célula cardíaca, estar relacionada a um maior risco de morte em pacientes com dengue. 

Segundo o Coordenador do Serviço de Cardiologia do Mater Dei Contorno, Henrique Patrus, o dano à célula cardíaca pode ser causado pelo infarto agudo do coração. No entanto, muitas outras doenças podem levar ao dano à célula, como infecções graves (sépsis), choque (hipotensão arterial grave), miocardites (inflamações do músculo cardíaco), arritmias, embolia pulmonar e outros. “A elevação da Troponina sinaliza, nesses casos, um agravamento do prognóstico e um alerta ao médico para que ele intensifique os cuidados e o tratamento”, explica o especialista.

Nos casos graves de dengue, o mecanismo exato para elevação de Troponina ainda não está bem definido pela ciência, podendo significar uma lesão direta à célula cardíaca ou ser consequência do estado grave de doença ou do estado de choque. “A importância desse trabalho é aumentar o conhecimento dessa doença epidêmica e estimular novos estudos, principalmente, de suas formas mais graves e com alto risco à vida.  As conclusões do estudo são o que chamamos de Formuladoras de Hipóteses, isto é, nossas conclusões são relevantes, mas precisam ainda serem corroboradas por outros trabalhos científicos já que o nosso estudo não teve a abrangência necessária para uma conclusão definitiva sobre o tema”, ressalta o médico.

Publicado em: 11/12/2017

Este conteúdo foi útil pra você? Sim Não
Obrigado pelo feedback. Sua opinião nos ajuda a criar um site melhor a cada dia.

Este post é sobre Notícias institucionais

Termos relacionados Cardiologia Congresso Heart team

Posts Relacionados

09 Maio 2018

Médico da equipe de Densitometria...

O coordenador do Serviço de Densitometria Óssea da Rede Mater Dei de Saúde e médico ginecologista com área de atuação em osteometabolismo, Bruno Muzzi Camargos, representou a equipe de Densitometria do Hospital, no Congresso Mundial de Osteoporose.
08 Agosto 2016

Dicas Mater Dei de prevenção e...

Cerca de 90% das pessoas que possuem doença coronariana, como infarto ou angina de peito, apresentam um ou mais fatores de risco que podem ser modificados, dentre eles o colesterol alto.
26 Abril 2017

Controle da pressão arterial

Quando se fala em hipertensão arterial o primeiro vilão citado é o sal. Reduzir o consumo de sal é importante, mas não apenas como uma medida isolada.