Projeto Parto Adequado - REDE MATER DEI DE SAÚDE
Sobre o Mater Dei » Fique por dentro » Notícias Institucionais » ​Hospitais se reúnem em Belo Horizonte para mais uma etapa do Parto Adequado

​Hospitais se reúnem em Belo Horizonte para mais uma etapa do Parto Adequado

Mater Dei é uma das instituições que irão capacitar outros hospitais dentro do projeto


A Rede Mater Dei de Saúde sediou, nos dias 08 e 09 de agosto, mais uma Sessão de Aprendizagem Presencial (SAP) da Fase 2 do Parto Adequado, destinada aos hospitais pioneiros no projeto e operadoras apoiadoras. O evento foi promovido pelo Mater Dei, Vitória Apart Hospital e Hospital Márcio Cunha e aconteceu no Mater Dei Contorno. A Rede agora é uma das instituições que irão capacitar outros hospitais dentro do projeto.

Mais de 60 representantes de hospitais de todo o Brasil participaram do evento, que permitiu a troca de experiências e estimular o aperfeiçoamento do plano de trabalho das operadoras e dos hospitais. “É uma honra para o Mater Dei recebe-los. Esperamos que esse seja um treinamento extremamente proveitoso e que, ao final dele, possamos sair mais preparados para receber nossas pacientes de maneira mais alinhada com o que se espera da prática médico-hospitalar e assistencial”, declarou o presidente da Rede Mater Dei de Saúde, Henrique Salvador, na abertura do evento.  
    
Desenvolvido pela Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS), o Hospital Israelita Albert Einstein (HIAE) e o Institute for Healthcare Improvement (IHI), com o apoio do Ministério da Saúde, o projeto Parto Adequado tem o objetivo de identificar modelos inovadores e viáveis de atenção ao parto e nascimento, que valorizem o parto normal e reduzam o percentual de cesarianas desnecessárias na saúde suplementar. “Esse Projeto, sem dúvida, é muito importante para o Brasil, para nossas mulheres, para a Rede Mater Dei. É essencial que tenhamos envolvimento das equipes multidisciplinares e que se torne um tema vivo e falado a cada reunião clínica, alinhado a um aprendizado muito grande de novas técnicas, protocolos e padrões de atendimento da gestante que chega em trabalho de parto nos nossos hospitais”, reforça a vice-presidente do Mater Dei, Márcia Salvador Géo, coordenadora da Ginecologia e Obstetrícia.
 

Destaque no Projeto, Mater Dei Santo Agostinho registra alta taxa de parto vaginal


O Mater Dei Santo Agostinho é um dos 21 hospitais que participam do Parto Adequado, sendo o representante de Belo Horizonte. Desde o início do Projeto, houve um aumento de 72% de partos vaginais realizados pela equipe de ginecologia do Mater Dei Santo Agostinho. Só no primeiro semestre de 2017, 55,3% dos partos realizados pela Rede foram vaginais.

Os números representam experiências de mães que tiveram o apoio e necessário para a melhor prática médica-assistencial na hora do nascimento. “Sempre quis ter parto normal e minhas expectativas foram totalmente superadas. O acolhimento foi excelente, tive a oportunidade de ter meus familiares perto de mim, além de estar em um ambiente aconchegante com o médico ao meu lado ao tempo todo, proporcionando segurança”, destaca a paciente Juliana de Carvalho Carmelo. 
 

Investimento em áreas de atendimento Ginecológico e Obstétrico


A participação no Projeto refletiu, também, em investimento relacionado a estrutura da Rede. “Lá no início não imaginávamos o quanto de qualidade poderíamos acrescentar mais a prática que fazíamos. Criamos novas salas de admissão, ampliamos e demos mais conforto para as mulheres, ampliamos o pronto- atendimento, criamos o código rosa - um código de emergência muito importante hoje em nossa Instituição. Conseguimos envolver os anestesiologistas, os neonatologistas, além do obstétrico, toda a equipe de enfermagem, pronto-socorro e bloco cirúrgico”, destaca Márcia Salvador Géo.
 

Alguns diferenciais do Mater Dei Santo Agostinho

 
  1. Código rosa
O Mater Dei Santo Agostinho possui o Código Rosa, uma iniciativa pioneira de socorro rápido às gestantes em casos emergenciais que coloquem em risco a saúde dela ou do feto, onde um time de obstetra, anestesista e pediatra, capacitado para o atendimento é acionado, e desloca a gestante em até 5 minutos, de qualquer setor do Hospital até o Bloco Obstétrico. Um novo modelo de atendimento à gestante, que envolve o trabalho integrado de médicos e enfermeiros.
 
  1. Novo espaço para as futuras mamães
Visando maior conforto, acolhimento e comodidade, a Rede ampliou espaço local de preparação para o parto das futuras mamães no Bloco Obstétrico. Agora são sete boxes com estrutura para a paciente e familiares: camas mais modernas, equipamentos de monitorização avançada do feto (Cardiotocografia). Além disso, o local conta com recursos para cromoterapia.
 
  1. Nova área do Pronto-socorro Ginecológico e Obstétrico
O Pronto-socorro do Mater Dei Santo Agostinho oferece um fluxo diferenciado para atendimento às clientes da ginecologia e obstetrícia, com quadro de gestação de alto risco. Uma primeira avaliação é feita pelo plantonista, que encaminha a paciente para a equipe do Alto Risco Obstétrico do Hospital. A gestante é atendida mediante agendamento prévio. O Serviço também oferece atendimento diferenciado para as clientes com demandas ginecológicas cirúrgicas, seguindo o mesmo fluxo da gestante de alto risco. A nova área tem consultórios estruturados para o atendimento 24 horas: plantão e acompanhamento. Mais uma ação de melhoria que faz parte do trabalho da Rede dentro do Projeto Parto Adequado.

Publicado em: 11/08/2017

Este conteúdo foi útil pra você? Sim Não
Obrigado pelo feedback. Sua opinião nos ajuda a criar um site melhor a cada dia.

Este post é sobre Cuidados com o bebê

Posts Relacionados

11 Fevereiro 2019

Curso do Casal Grávido

As inscrições estão abertas! Ao longo de 2019 estão previstos nove cursos, que acontecerão entre março e novembro, sempre nas primeiras duas quartas-feiras do mês, das 19h às 22h.
15 Março 2017

O que levar para maternidade?

Pra você que vai ter o seu filho na maternidade da Rede Mater Dei de Saúde, recomendamos levar os seguintes itens:
Tópicos Maternidade Bebê
24 Julho 2016

Centro de Reprodução Humana Mater Dei

O Centro de Reprodução Humana da Rede Mater Dei de Saúde é constituído com o que há de mais avançado em tecnologia de reprodução assistida.