Dia Mundial do Combate ao Câncer buscar conscientização sobre a doença - REDE MATER DEI DE SAÚDE
Sobre o Mater Dei » Fique por dentro » Imprensa » Dia Mundial do Combate ao Câncer buscar conscientizar população sobre a doença

Dia Mundial do Combate ao Câncer buscar conscientizar população sobre a doença

Incidência do câncer aumentou em 20% nos últimos dez anos. A Estimativa do Inca é de 600 mil novos casos para 2018

(Release)

No próximo domingo, 8 de abril, será comemorado o Dia Mundial do Combate ao Câncer. A data, criada pela Organização Mundial da Saúde, tem como objetivo trazer a discussão, informação e conscientização sobre a doença, cuja incidência vem aumentando cada vez mais. Mundialmente, o número de pessoas acometidas pela doença cresceu em 20% nos últimos dez anos, de acordo com o Instituto Nacional do Câncer (Inca). 

Para 2018, a estimativa do INCA é de 600 mil novos casos, sendo que os tipos mais frequentes serão os cânceres de próstata, com 68.220 novos casos em homens e mama em mulheres, com 59.700 novos casos. Além deles, outros tipos também terão alta incidência, como cólon e reto, (36.360), pulmão (31.270), estômago (21.290), colo do útero (16.370), cavidade oral (14.700), sistema nervoso central (11.320), leucemias (10.800) e esôfago (10.970).

Câncer é o nome dado a um conjunto de doenças que têm em comum o crescimento desordenado de células que invadem os tecidos e órgãos, podendo espalhar-se (metástase) para outras regiões do corpo. Segundo o coordenador do Hospital Integrado do Câncer Mater Dei, Enaldo Melo de Lima, as campanhas de prevenção e diagnóstico precoce do câncer são muito importantes, principalmente, porque a doença é a segunda maior causa de mortes no Brasil e no mundo. “As ações educativas e preventivas visam divulgar os principais sinais e sintomas da doença ao maior número de pessoas, visto que dentre os casos diagnosticados, muitos são encaminhados aos centros de tratamento com a doença já em estágio avançado com menores chances de cura”, explica o especialista.

O médico explica ainda que a principal forma de combater a doença é por meio de ações preventivas, como estímulo de hábitos saudáveis e o diagnóstico precoce. “Obesidade, sedentarismo, consumo excessivo de bebidas alcoólicas, tabagismo, o consumo elevado de processadas e pouca ingestão de frutas, legumes e verduras são alguns fatores de risco para a doença. É importante cultivar bons hábitos, como praticar atividades físicas regularmente e manter uma alimentação saudável. Além disso, é fundamental consultar o médico regularmente e estar atento a sinais e sintomas que possam surgir, pois quanto antes for diagnosticado, maiores as chances de o tratamento ser de sucesso”, explica o oncologista. 
 

Hospital Integrado do Câncer Mater Dei celebra dois anos de atuação


Com tradição em diagnóstico e tratamento de pacientes oncológicos, há dois anos a Rede Mater dei de Saúde investiu em mais estrutura e equipes especializadas criando o Hospital Integrado do Câncer (HIC).  Inaugurado em 18 de abril de 2016, o HIC, localizado na unidade Mater Dei Contorno, possui fluxos e atendimentos exclusivos para o tratamento dos pacientes oncológicos, destacando-se por oferecer tratamento humanizado e integrado, com equipes multidisciplinares e suporte de toda a estrutura hospitalar. “O foco do atendimento é ter o paciente no centro do cuidado, de forma a proporcionar diagnóstico rápido, facilidade e recursos tecnológicos avançados e, principalmente, atendimento assistencial completo para todas as etapas do tratamento. 

O HIC possui estrutura de ponta e equipes multidisciplinares estabelecidas no tratamento do câncer, em que o processo decisório da condução assistencial atinge um grau máximo de eficiência e segurança, individualização e humanização de todo o planejamento terapêutico”, completa Enaldo.

Inserido em uma estrutura de Hospital geral multidisciplinar e de multiespecialidades, o complexo oncológico garante assistência diferenciada e humanizada aos pacientes e familiares. Com capacidade para mais de 3.400 atendimentos por mês, conta com ampla estrutura física, planejada dentro dos padrões mundiais de praticidade e conforto, com garantia de segurança para o atendimento e tratamento oncológico. O complexo de tratamento inclui áreas de Onco-hematologia, Oncopediatria, Clínica de Dor, a Cardio-Oncologia, uma inovação no Brasil, Oncogenética, Nutrição Oncológica, Cirurgia Oncológica,  Check-up Oncológico,  Serviço de Anatomia Patológica,  Laboratório de Análises Clínicas e a Unidade de Transplante de Medula Óssea – TMO e Pronto-socorro Oncológico.

Publicado em: 06/04/2018

Este conteúdo foi útil pra você? Sim Não
Obrigado pelo feedback. Sua opinião nos ajuda a criar um site melhor a cada dia.

Este post é sobre Notícias institucionais

Posts Relacionados

06 Abril 2018

Dia Mundial do Combate ao Câncer...

Incidência do câncer aumentou em 20% nos últimos dez anos. A Estimativa do Inca é de 600 mil novos casos para 2018.
12 Abril 2018

Integração do cuidado para combater o...

O câncer é o nome dado a um conjunto de doenças que têm em comum o crescimento desordenado de células que invadem os tecidos e órgãos, podendo espalhar-se (metástase) para outras regiões do corpo.
19 Fevereiro 2018

Câncer Infantojuvenil tem 80% de...

Principal causa de morte por doença entre crianças e adolescentes de 1 a 19 anos, o câncer infantojuvenil representa 8% do total do índice de mortalidade de pessoas dessa faixa etária.