Equipe de Ginecologia e Obstetrícia participa do 58º Congresso Brasileiro de Ginecologia e Obstetrícia - REDE MATER DEI DE SAÚDE
Sobre o Mater Dei » Fique por dentro » Excelência científica » Equipe de Ginecologia e Obstetrícia participa do 58º Congresso Brasileiro de Ginecologia e Obstetrícia

Equipe de Ginecologia e Obstetrícia participa do 58º Congresso Brasileiro de Ginecologia e Obstetrícia

Entre os dias 16 e 18 de novembro, aconteceu o 58º Congresso Brasileiro de Ginecologia e Obstetrícia, em Porto Alegre, Rio Grande do Sul. 

Médicos da equipe de Ginecologia e Obstetrícia da Rede Mater Dei de Saúde participaram do Congresso com apresentação oral como contribuição ao tema, premiação de melhor caso clínico que será publicado na íntegra em revista indexada e outro trabalho já aceito para publicação em revista indexada. Dez membros representaram a equipe como congressistas e 3 foram palestrantes. 

O 58° Congresso Brasileiro de Ginecologia e Obstetrícia (CBGO2019) oferece a oportunidade de fortalecer os vínculos éticos, profissionais e científicos que devem caracterizar a atuação das associações médicas e seus associados. 

No evento foram realizados simpósios, mesas-redondas, atividade interativa e debates com alto ganho científico e prático, abordando temas como Anticoncepção, aleitamento materno, assistência ao parto, abortamento e puerpério, climatério, pré-natal, entre outros.

 

 

 

Publicado em: 20/11/2019

Posts Relacionados

17 Novembro 2021

Alergia a medicamentos: trabalho...

Em outubro de 2021, ocorreu de maneira virtual o XLVIII Congresso Brasileiro de Alergia e Imunologia, evento que teve como tema a “Biodiversidade e Doenças Imunoalérgicas”. Foram publicados na Revista da Sociedade Brasileira de Alergia e Imunologia, em conjunto...
20 Novembro 2019

Equipe de Ginecologia e Obstetrícia...

No evento foram realizados simpósios, mesas-redondas, atividade interativa e debates entre outros
11 Dezembro 2017

​Estudo científico é apresentado em...

A equipe de Cardiologia da Rede Mater Dei de Saúde apresentou, no Congresso Americano de Cardiologia (AHA Scientific Sessions), um estudo científico que estabelece a correlação entre acometimento cardíaco e maior gravidade da doença por dengue.