Discurso de posse Dr. Henrique Patrus - REDE MATER DEI DE SAÚDE

Discurso de posse Dr. Henrique Patrus

Discurso proferido pelo Dr. Henrique Patrus Mundim Pena na cerimônia de posse como Presidente da Sociedade Mineira de Cardiologia, biênio 2020-2021, no auditório do Conselho Regional de Medicina, em Belo Horizonte, no dia 08 de novembro de 2019.
 
Muito boa noite!

Agradecemos muito a presença de todos, saibam que isso muito significa para nós.  Prometo ser breve como bem fizeram os que me antecederam. 

Hoje celebramos um ENCONTRO, um encontro de colegas, amigos e familiares, uma comunhão em torno de uma causa comum. Para que esse ponto de inflexão fosse possível, cada um de nós fez um caminho até aqui. Hoje, nossos caminhos confluem a uma estação, para que, a partir desta, façamos, juntos, uma nova trajetória: a jornada 2020/2021 da Sociedade Mineira de Cardiologia.

Valores e objetivos bem alinhados são as forças que nos direcionaram a esta convergência de nossos caminhos: 
-  Nós temos o compromisso com a verdade científica; 
- E temos o compromisso com a prática clínica de qualidade.    

Quanto a minha história até este momento, peço licença para, primeiramente, demonstrar minha eterna gratidão aos meus pais, Dr. Roberto e Sra Lourdinha, aqui presentes.  

Educar é SER o exemplo: Dr. Roberto e Sra. Lourdinha compartilharam, com amor, os seus valores e ensinamentos. Permitiram-me conciliar confiança e autonomia, liberdade e responsabilidade, alicerces fundamentais para um caminhar íntegro.  Muito Obrigado!

Especial agradecimento a Cristiana, minha querida esposa, e à Lavínia e Virgínia, queridas filhas, que floriram, com muito amor, meu caminho. E tão bem compreendem o tempo dedicado à Medicina, que lhes foi subtraído de nossa preciosa convivência. 

Nesta minha caminhada como médico, nestes 26 anos de formado, guardo muitas realizações e gratidão.  Nas instituições por onde passei, especialmente o Hospital das Clínicas e o Hospital Felício Rocho, e onde atualmente me dedico, o Hospital Mater Dei, encontrei muitos amigos. Amigos de profissão, amigos de vida. 

Agradeço muito a receptividade com a qual fui sempre acolhido, e as excelentes oportunidades para meu desenvolvimento profissional. 

Faço um agradecimento especial ao Dr. José Salvador, que muito nos honra com sua presença. Dr. Salvador me acolheu ao nascer, e, novamente, há 22 anos, em sua casa, o Hospital Mater Dei. Estendo meus agradecimentos a Dr. Henrique e Dra. Márcia Salvador, também orgulhando-nos com suas presenças. 

Reconheço, humildemente, que o exercício da medicina é, para todos nós, um privilégio, uma verdadeira GRAÇA. Somado ao contínuo e intrigante exercício de compreensão da ciência médica, esta ciência tão complicada pela transitoriedade de suas verdades, nós, médicos, somos afrontados ao lado sensível da vida, somos expostos ao contínuo e surpreendente exercício de compreensão do Ser Humano, em situações de fragilidade, mas com uma encantada e peculiar história de vida, fruto da força da esperança e da fé. 

As letras frias e, atualmente, os tantos e insensíveis números desta ciência objetiva, aliadas ao formal e técnico exercício profissional do médico, paralelamente, convivem com a admiração pela vida e pelo viver, inspirando-nos à reflexão e a sensível busca da aceitação do incompreensível, a busca de uma religação que nos faça sentido. 

Este aprendizado, esta reflexão e religação é a graça que nos é ofertada pelo dever e o privilégio do exercício de tão nobre trabalho.

E O CAMINHO DA SOCIEDADE MINEIRA DE CARDIOLOGIA?

A SMC  é uma construção de 75 anos (a ser completado agora, em 2020). Cada participante, sócio, diretor, presidente de regional, ou presidente de comitê, deixou sua marca em nossa sociedade, em momentos de construção, realizações e consolidações. O avanço de uma Sociedade democrática e participativa como a nossa, com alternância de lideranças, somente é possível com realizações que se sucedem; realizamos hoje graças ao trabalho dos que nos antecederam, e vamos também preparar o terreno para colheitas futuras. 

Poderia falar sobre a importância do nosso Congresso, das nossas campanhas de promoção de saúde, dos nossos inúmeros simpósios e cursos, da nossa contribuição social. Mas cometo a injustiça e atrevo-me a, apenas, destacar a criação do Centro de Treinamento da Sociedade Mineira de Cardiologia como um exemplo de uma, dentre tantas realizações bem sucedidas da SMC.

A Sociedade Brasileira de Cardiologia (SBC) e o Conselho Regional de Medicina (CRM), aqui representados pelos Dr. Marcelo Queiroga e Dra. Cláudia Navarro, muito nos apoiaram nesta realização. Os atuais cursos da SBC são focados na atualização do atendimento de urgência. Estes cursos são produções intelectuais de nossa gente, brasileiros, voltados para nossa população brasileira.

Temos, em nossas mãos, uma excelente ferramenta capaz de levar atualização e boa prática aos nossos médicos e enfermeiros, e de melhorar a assistência médica de urgência em Minas Gerais e, por que não - Dr. Queiroga e Dr. Lincoln- de todo o Brasil? 

Seguiremos agora na convergência dos nossos caminhos com o caminho da Sociedade Mineira de Cardiologia. Nosso norte, nossa MISSÃO, pode se expressar na seguinte frase: Nossa missão é congregar os cardiologistas mineiros para analisar, criticar e difundir a ciência médica, transformar o conhecimento científico em prática clínica atualizada, capaz de promover a saúde e a melhor qualidade assistencial cardiovascular a nossos pacientes. 

Cabe destacar algumas palavras-chave nesta frase
- Congregar 
- Transformar o conhecimento
- Promover a saúde e a melhor qualidade assistencial

Congregar:  Esta foi uma bandeira muito bem sucedida pela atual gestão e será também uma bandeira nossa. Minas são várias, mas o mineiro é único. Temos o obstáculo da imensidão do Estado e os traslados difíceis, e a concorrência de excelentes centros formadores em Estados vizinhos, em cidades bem próximas. Entretanto, temos a nosso favor o valor do médico mineiro, que reconhece na SMC a sua casa, o seu espaço para se atualizar e para discutir casos clínicos, e para compartilhar conhecimentos como palestrante ou moderador, ou como participante nos nossos Congressos, Simpósios e Cursos. 

Sobretudo, o mineiro reconhece a Sociedade Mineira de Cardiologia como um nosso espaço fraterno, ambiente de agradável convivência. Especial agradecimento aos colegas, presidente e diretores das Regionais, aqui presentes, verdadeiros líderes e referências em suas cidades e regiões, que, com determinação e coragem, aceitaram o desafio de congregar todos colegas de Minas Gerais à nossa SMC.

Outra palavra-chave da nossa missão: Transformar o Conhecimento.

Na era do Big Data e na era das informações instantâneas e da  4ª Revolução, transformar o conhecimento é uma grande necessidade. A literatura técnica já reconhece o abismo entre o conhecimento e a prática clínica. A SMC pode ser esta ponte, entre o conhecimento e a prática clínica.
T
emos que compreender a multiplicidade de dados, filtrar qual informação é relevante. Analisar, sintetizar, e aplicar este conhecimento à prática clínica. 
O lema do nosso Congresso Mineiro de Cardiologia sintetiza muito bem esta tarefa. Congresso SMC: Onde o conhecimento e a prática clínica se encontram. 

A busca do conhecimento, a sua tradução e aplicabilidade encontram com a nossa terceira palavra-chave da nossa missão: Promover a saúde e a melhor qualidade assistencial. 

Promover a saúde e a prevenção, e proporcionar a melhor qualidade assistencial é o verdadeiro VALOR que a Sociedade Mineira de Cardiologia entrega, enfim, à nossa população. 

Concluindo... 
Meus colegas de diretoria, assessores e presidentes de comitês e grupos de estudo da Sociedade Mineira de Cardiologia, autoridades e familiares aqui presentes, agrademos muito a preciosa presença neste nosso encontro. 

Nós, a Sociedade Mineira de Cardiologia, o corpo gestor do biênio 2020-2021, alinhado a todos cardiologistas do Estado de Minas Gerais, reafirmamos nosso compromisso em:

- Congregar os cardiologistas mineiros para analisar, criticar e difundir a ciência médica, de forma autônoma e independente, com elevado rigor ético. 

Reafirmamos nosso compromisso em:

Dedicar, com afinco, à tarefa de traduzir a ciência médica em aplicabilidade clínica

E, assim, sermos capazes de entregar valor à nossa população, promovendo saúde e a melhor qualidade assistencial cardiovascular em toda nossa Minas Gerais. 

Muito Obrigado!

Henrique Patrus Mundim Pena
Presidente da Sociedade Mineira de Cardiologia 2020-2021

Publicado em: 14/11/2019

Este conteúdo foi útil pra você? Sim Não
Obrigado pelo feedback. Sua opinião nos ajuda a criar um site melhor a cada dia.

Este post é sobre Notícias institucionais

Posts Relacionados

15 Setembro 2017

Cardiologia da Rede Mater Dei de...

Dia 29 de setembro, é celebrado o Dia Mundial do Coração. A data foi instituída pela Organização Mundial da Saúde - OMS para conscientizar sobre as doenças cardíacas, principal causa de mortes em todo o mundo.
18 Outubro 2019

Artigo: Inovações na área da saúde...

As instituições de saúde têm que enfrentar o desafio de encontrar cada vez mais meios para garantir o acesso das pessoas a uma prestação de serviços de saúde efetiva, mas também sustentável e alinhada às melhores práticas disponíveis no mundo.
11 Setembro 2018

Congresso Mineiro de Cardiologia

Aplicação da Ciência à Prática Clínica. Esse foi o tema principal da programação do Congresso, que aconteceu entre os dias 09 e 11 de agosto. O evento contou com a ampla participação de médicos do Serviço de Cardiologia da Rede.